sexta-feira, 23 de dezembro de 2016

Troféu Melhores do Ano 2016 - 22ª edição


A noite do dia 21 de dezembro foi de alegria e homenagens. Reuniram-se no salão de festas do edifício explanada, toda a "Família Máschara'', amigos, e simpatizantes do grupo. Na ocasião foram entregues os troféus de reconhecimento pelo trabalho exercido durante o ano de 2016. O Troféu Melhores do Ano foi criado em 1999, para valorizar as criatividade e o talento da equipe. Em cada ano os próprios atores votam nos colegas e mais de vinte categorias são galardoadas. Sendo que as principais são as de atuação. Nesse ano acrescentou-se como grande categoria a ser premiada, o troféu de Melhor Bailarino que acabou ficando para o dançarino Renato Casagrande. Na categoria Ator Coadjuvante, o trabalho de Evaldo Goulart como Henrique em Complexo de Elecktra foi aplaudido e premiado. A atriz coadjuvante que levou a estatueta foi Raquel Aigony também por complexo. Surpreendendo a todos, houve um impate entre as atrizes Alessandra Souza e Dulce Jorge, por suas brihantes interpretações, respectivamente como Ereda (Complexo de Elecktra e As Balzaquianas). O melhor ator que recebeu o troféu das mãos de Casagrande, vencedor de 2015, foi Cléber Lorenzoni por sua antológica Ulrica em Complexo de Elecktra. para fechar a noite e talvez surpreendendo alguns, o troféu melhor do ano foi para Renato Casagrande que virou um dos alicerces do Máschara e que faz muito por toda a Cia.
Foi sem duvida uma noite de emoção que contou com a presença da colega e atriz Angelica Ertel. 
Ainda no plano das homenagens, Fabio Novello e Angelica Ertel entraram para o hal dos imortais anciãos do Máschara, e Sandra Lazzari foi convidada a fazer parte do grupo de forma mais intença recebendo a distinção de numero 5. ]O Melhores do ano volta em 2017 e espera-se que com ainda mais talentos descobertos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário