domingo, 30 de dezembro de 2012

Os Personagens inesquecíveis

Os Grandes destaques de 2012

         Em 2012 vários artistas se destacaram no Máschara, mas dois em particular merecem grande laureio.  Dulce Jorge que surpreendeu com a personagem Caroba em O Santo e a Porca, com domínio de cena, veracidade e organicidade. Desde 2008 Dulce Jorge não construía uma personagem tão bem acabada e marcante. Para acompanhá-la, 2012 foi sem dúvida o ano de Renato Casagrande que subiu para o status dois, somou maior dedicação em seu trabalho, interpretou com maestria o "cachorro" de Os saltimbancos, participou da montagem O Santo e a Porca dando vida ao ousado "Dodó",  fez duas substituições com exímio trabalho Mãe Preta em Ed Mort e Valério em Tartufo.  Além de marcar presença como o "ator coadjuvante" de Deu a louca no ator.
Por outro lado os personagens inesquecíveis em 2012 que serão provavelmente lembrados sempre na galeria de personagens inesquecíveis são: 

2012
Dulce Jorge como Caroba e Gabriel Wink como Benona em O santo e a Porca

2011
 Cléber lorenzoni como Adelaide Fontana E Angélica Ertel como Helena Em As Balzaquianas

2010
 Gabriel Wink como Ágatha em A Maldição e Angélica Ertel por suas substituições

2009
Ricardo Fenner e Cléber Lorenzoni em A Maldição do Vale Negro

2008
Tatiana Quadros como fada mascarada em Lili Inventa o Mundo e Dulce Jorge como Penelope em Ed Mort.

2007
Gabriel Wink como Peeter Stockman Em Um Inimigo do Povo e Angelica Ertel como Glorinha Em Esconderijos do Tempo


2006
Cléber Lorenzoni como Mario Quintana e Kellem Padilha como Lili Em Esconderijos do Tempo


2005
Alexandre Dill-Como Dr. Cícero e Miriam Kempfer como Rita Paz Em O Incidente

2004
Lauanda Varone em A Carrocinha

2003
Dulce Jorge como Mãe em Bodas de Sangue

2002
Jorge Pittan como Rei Duncan e Simone De Dordi como Lady Macduff Em Macbeth

2001
Marcele Franco como Mariana e Cléber Lorenzoni como Tartufo Em Tartufo

2000
Alexandre Dill como Hêmon e Dulce Jorge como Antígona Em Antígona

1999
Cléber Lorenzoni como palhacinho e Ariane Pedrotti como Espanhola Em O Conto da Carrocinha

1998
Cléber Lorenzoni como D. Flávia e Simone De Dordi como Das Dores Em Dorotéia

1997
Cléber Lorenzoni como Fada Morgana e Dulce Jorge como Bruxa Magnólia Em Bulunga o Rei Azul

1996
Diulio Penna como o Gato Bulunga e Dulce Jorge como Bruxa Magnólia Em Bulunga o Rei Azul

1995
Dulce Jorge como Cordélia Brasil Em Cordélia Brasil


sexta-feira, 28 de dezembro de 2012

Os Mais destacados em 2912


MELHORES DO ANO
2012

Em 2012 foram apresentados onze espetáculos diferentes em 60 apresentações. Um agradecimento todo especial à Angelica Ertel, Dulce Jorge, Cléber Lorenzoni, Gabriel Wink, Gabriela Oliveira, Ricardo Fenner, Tatiana Quadros, Cristiano Albuquerque, Fernanda Peres, Alessandra Souza, Renato Casagrande, Roberta Queiróz, Luis Fernando Lara, Evaldo Gullart, Lucas Padilha, Nadia Furian, Angela Jacques, Lidiane Weber, e Stevem Lara. Todos que se dedicaram em prol do palco.
De todos esses seguem aqui os mais destacados, indicados pela direção do grupo, e eleitos por todo o grupo.
Parabéns!




MELHOR ESPETÁCULO
(X)O Santo e a Porca
( )Tartufo
( )Os Saltimbancos


MELHOR DIREÇÃO
( )O Santo e a Porca (Cléber Lorenzoni)
(X)Os Saltimbancos (Cléber Lorenzoni e Dulce Jorge)


MELHOR ATOR
( )Cléber Lorenzoni (Eurico – O Santo e a Porca)
(X)Cléber Lorenzoni (Gata – Os Saltimbancos)
( )Gabriel Wink (Jumento – Os Saltimbancos)

MELHOR ATOR COADJUVANTE
( )Renato Casagrande (Cachorro – Os Saltimbancos)
(X)Gabriel Wink (Benona – O Santo e a Porca)
( )Luis Fernando Lara (Pinhão – O Santo)
( )Ricardo Fenner (Eudoro –O Santo )
( )Renato Casagrande (Dodó - O santo e a Porca)

MELHOR ATOR/ATRIZ REVELAÇÃO
(X)Fernanda Peres (Mariana – Tartufo)
( )Fernanda Peres (Serenita - Feriadão)
( )Evaldo Gullart (Belquior – Presépio Vivo)

MELHOR ATRIZ COADJUVANTE
(X)Dulce Jorge (Caroba – O Santo e a Porca)
( )Alessandra Souza (Galinha – Os Saltimbancos)
( )Fernanda Peres (Mariana – Tartufo)

MELHOR INTERPRETE EM SUBSTITUIÇÃO
( )Renato Casagrande (Valério – Tartufo)
( )Fernanda Peres (Mariana – Tartufo)
(X)Renato Casagrande (Mãe Preta – Ed Mort)
( )Fernanda Peres (Bibi – Ed Mort)

MELHOR CENÁRIO
(X)O Santo e a Porca (Luis Fernando Lara e Cléber Lorenzoni)
( )Os Saltimbancos (O Grupo)

MELHOR PERFORMANCE
( )Vitrine Viva
( )Estátua Viva
(X)Presépio Vivo




MELHOR FIGURINO
(X)Os Saltimbancos (O Grupo)
( )O Santo e a Porca (Cléber Lorenzoni)
( )Presépio Vivo (Cléber Lorenzoni, Dulce Jorge e Renato Casagrande)
( )Estátua Viva (Cléber Lorenzoni e Dulce Jorge)

MELHOR ILUMINAÇÃO
(X)O Santo e a Porca (Gabriela Oliveira)
( )Os Saltimbancos (Ricardo Fenner)

MELHOR TRILHA SONORA
(X)Tartufo
( )O Santo e a Porca

MELHOR COMERCIAL DE TV
(X)O Santo e a Porca

MELHOR COMERCIAL DE RÁDIO
(X)O Santo e a Porca
( )Tartufo
( ) Esconderijos do Tempo
( )Os Saltimbancos (parceria com a Appa)

MELHOR TEXTO ADAPTADO
( )O Santo e a Porca
( )Os Saltimbancos
(X)Esconderijos do tempo

MELHOR ESPETÁCULO REVISITADO
( )Tartufo
( )O Castelo Encantado
(X)Esconderijos do Tempo

MELHOR CONTRA-REGRAGEM
( )Renato Casagrande por As Balzaquianas
( )Alessandra Souza por A Maldição
(X)Gabriela Oliveira por Os Saltimbancos
( )Fernanda Peres por O santo
( )Renato Casagrande por A Maldição do vale Negro

MELHOR PRÉ PRODUÇÃO
( )Renato Casagrande, Ricardo Fenner –Tartufo
(X)Gabriel Wink, Ricardo Fenner – O Santo e a Porca
( )Gabriel Wink, Cléber Lorenzoni, Ricardo Fenner – Os Saltimbancos

MELHOR CONJUNTO DE ATORES
(X) As Balzaquianas-Clé/Ang
( ) Os Saltimbancos-Clé/Ale/Gab/Ren
( ) Vitrine Viva-Clé/Ren/Ale
( )Tartufo-Clé/Ang/fer/Ren/Tat/Gab/Dul

quinta-feira, 27 de dezembro de 2012

O antigo e o novo...


As grandes personagens inesquecíveis


2011
 Cléber lorenzoni como Adelaide Fontana E Angélica Ertel como Helena Em As Balzaquianas

2010
 Gabriel Wink como Ágatha em A Maldição e Angélica Ertel por suas substituições

2009
Ricardo Fenner e Cléber Lorenzoni em A Maldição do Vale Negro

2008
Tatiana Quadros como fada mascarada em Lili Inventa o Mundo e Dulce Jorge como Penelope em Ed Mort.

2007
Gabriel Wink como Peeter Stockman Em Um Inimigo do Povo e Angelica Ertel como Glorinha Em Esconderijos do Tempo


2006
Cléber Lorenzoni como Mario Quintana e Kellem Padilha como Lili Em Esconderijos do Tempo


2005
Alexandre Dill-Como Dr. Cícero e Miriam Kempfer como Rita Paz Em O Incidente

2004
Lauanda Varone em A Carrocinha

2003
Dulce Jorge como Mãe em Bodas de Sangue

2002
Jorge Pittan como Rei Duncan e Simone De Dordi como Lady Macduff Em Macbeth

2001
Marcele Franco como Mariana e Cléber Lorenzoni como Tartufo Em Tartufo

2000
Alexandre Dill como Hêmon e Dulce Jorge como Antígona Em Antígona

1999
Cléber Lorenzoni como palhacinho e Ariane Pedrotti como Espanhola Em O Conto da Carrocinha

1998
Cléber Lorenzoni como D. Flávia e Simone De Dordi como Das Dores Em Dorotéia

1997
Cléber Lorenzoni como Fada Morgana e Dulce Jorge como Bruxa Magnólia Em Bulunga o Rei Azul

1996
Diulio Penna como o Gato Bulunga e Dulce Jorge como Bruxa Magnólia Em Bulunga o Rei Azul

1995
Dulce Jorge como Cordélia Brasil Em Cordélia Brasil

sábado, 22 de dezembro de 2012

Semana natalina

Nesse natal o Grupo Máschara preencheu várias situações com intervenções artísticas temáticas. Presépio vivo, estátua viva e vitrine viva. Algumas por iniciativa própria e outras por convite do SESC na pessoa de Bárbara Lopes Moraes. Tudo com intuito de oferecer a cidade um pouco de brilho artístico ao seu natal.


              No presépio encenado no monumento de Fátima no dia 16 de dezembro, surpreendeu pelo clima etéreo que produziu, embora a escolha das músicas tenha deixado a desejar. O ambiente também não acrescentou muito, já que a penumbra exagerada dificultou o aproveitamento por parte da assistência. O presépio constituído pelo Máschara trazia uma luta entre bem e mal, vencida pelo poder do Deus-menino. Algo interessante foi a escolha de uma criança para   servir de Menino Jesus, nada de bonecos, ou trochas de pano. Os reis magos também tinham um toque diferente, tanto na interpretação quanto no visual. Destacaram-se ali Alessandra Souza com seu trabalho corporal e o casal José e Maria ( Luis Fernando Lara e Fernanda Peres) pela "presença" forte e preenchimento das ações com maestria. 
                         Um dia depois o Máschara já atraía atenções para a Vitrine da Loja Becker da Pinheiro, com uma vitrine viva infantil, inspirada nas vitrines das grandes lojas Novayorkinas. Três criaturinhas que lembravam ajudantes de papai noel ou brinquedos inanimados, moviam-se ao ritmo de canções natalinas variadas. Cléber lorenzoni com perfeição de movimentos reuniu com o auxilio de Alessandra Souza e Renato Casagrande, uma pequena multidão de curiosos. O mais interessante era ver nos olhos dos adultos a vontade de voltar a ser criança.
                                           Na quinta feira dia 20, quatro estátuas atravessaram o calçadão, com o corpo todo maquiado em prata e instrumentos angelicais. Os atores do Máschara mais uma vez emocionaram, e muitos foram os transeuntes que ficaram longos instantes admirando ou mesmo fotografando os artistas. Destacaram-se ali Renato Casagrande pela criatividade de movimentos e  Luis fernando Lara pelo caracterização. 
                                            No ultimo dia 21, O Presépio Vivo esteve em Boa Vista do Incra, o presépio vivo encantou as pessoas que foram ao Ginásio Municipal. Foi uma tentativa interessante de algo expressionista, embora a falta e ensaios tenha atrapalhado. O visual que o Máschara tentou criar no espaço é louvavel. Roberta Queiroz, atriz que esteve no grupo de 2008 à 2010 voltou a integrar o elenco, destacando-se juntamente com a ótima escolha de repertório musical, embora mal operada.
                                Foi emfim uma semana de ótima programação artística e que sirva de inspiração para um natal mais sensível e inesquecível. 






Cléber Lorenzoni (**)(***)(***)(**)
Renato Casagrande(**)(*)(***)(***)
Alessandra Souza (***)(*)(**)(**)
Ricardo Fenner (***)(-)(-)(-)
Fernanda Peres (***)(-)(*)(*)
Luis Fernando Lara (***)(-)(**)(*)
Evaldo Goulartt (***)(-)(-)(*)
Roberta Queiróz (-)(-)(-)(***)
Gabriela Oliveira(***)(*)(**)(*)


segunda-feira, 17 de dezembro de 2012

Natal do Máschara em vitrines


Ensaio pouco antes de intervenção natalina


Auto de Natal

Em cena Luis Fernando Lara (José) Fernanda Peres (Maria) e o pequeno Stevem como Jesus Cristo
                                                              

O ultimo Cena às 7 de 2012

                         Era para começar as oito, no entanto a equipe chegou a conclusão que seria melhor atrasar, já que o público não é pontual e começou a chegar já em cima da hora. As 20 horas e 20 minutos o auditório Prudêncio Rocha já acomodava um bom público que veio para assistir bom teatro e para ajudar as famílias mais carentes já que a entrada era um kilo de alimento que o banco de alimentos coletaria.
O começo não foi bom, sem ritmo, tenso. As coisas começaram a melhorar apenas a partir da terceira cena.     
Tia Benona, Caroba e Eurico arrancaram gargalhadas e o elenco cada dia mais apropriado do trabalho encontrou novas jogadas, novas piadas e o ritmo perfeito para a curva dramática. 

                           Foi a despedida de um dos mais marcantes, talentosos e controversos atores que já passou pelo Grupo. Um ótimo comediante que construiu uma carreira que sempre deixará lembranças nas plateias, cheio de instinto, criatividade, e um domínio omérico do palco.   Tia Benona, Felipinho, e o cigano Vassili são alguns dos tantos personagens que Ele deu vida e que ficarão no imaginário dos novos atores e do público por muito tempo.

                          A parte técnica do espetáculo não estava nos melhores dias. A iluminação era incerta, as coisas aconteciam segundos depois que deveriam. Ex: Se há uma cena em que o ator entrará em um quarto escuro, o quarto não pode escurecer depois que ele já entrou!  A Sonoplastia também estava manipulada de forma agressiva, estouros, falta de nuance.
                           Foi enfim mais uma noite de emoções e se não foi uma das melhores investidas do Máschara, certamente foi verdadeira, honesta e cheia da emoção que esse grupo põe em tudo o que faz. Em 2012 o Grupo levou ao palco da Casa de cultura 11 edições do Cena às 7, com 7 peças em 19 noites de espetáculos. Para 2013, a intenção são doze edições com 24 espetáculos. Para isso conta com a população e seus atores dedicados e cheios de garra.

Cléber Lorenzoni (**)
Dulce Jorge (*)
Gabriel Wink (**)
Alessandra Souza (**)
Luis Fernando Lara (***)
Gabriela Oliveira (*)
Renato Casagrande (**)
Fernanda Peres (*)
Ricardo Fenner (**)


                                                   A Rainha

terça-feira, 11 de dezembro de 2012