segunda-feira, 17 de dezembro de 2012

Natal do Máschara em vitrines


Ensaio pouco antes de intervenção natalina


Auto de Natal

Em cena Luis Fernando Lara (José) Fernanda Peres (Maria) e o pequeno Stevem como Jesus Cristo
                                                              

O ultimo Cena às 7 de 2012

                         Era para começar as oito, no entanto a equipe chegou a conclusão que seria melhor atrasar, já que o público não é pontual e começou a chegar já em cima da hora. As 20 horas e 20 minutos o auditório Prudêncio Rocha já acomodava um bom público que veio para assistir bom teatro e para ajudar as famílias mais carentes já que a entrada era um kilo de alimento que o banco de alimentos coletaria.
O começo não foi bom, sem ritmo, tenso. As coisas começaram a melhorar apenas a partir da terceira cena.     
Tia Benona, Caroba e Eurico arrancaram gargalhadas e o elenco cada dia mais apropriado do trabalho encontrou novas jogadas, novas piadas e o ritmo perfeito para a curva dramática. 

                           Foi a despedida de um dos mais marcantes, talentosos e controversos atores que já passou pelo Grupo. Um ótimo comediante que construiu uma carreira que sempre deixará lembranças nas plateias, cheio de instinto, criatividade, e um domínio omérico do palco.   Tia Benona, Felipinho, e o cigano Vassili são alguns dos tantos personagens que Ele deu vida e que ficarão no imaginário dos novos atores e do público por muito tempo.

                          A parte técnica do espetáculo não estava nos melhores dias. A iluminação era incerta, as coisas aconteciam segundos depois que deveriam. Ex: Se há uma cena em que o ator entrará em um quarto escuro, o quarto não pode escurecer depois que ele já entrou!  A Sonoplastia também estava manipulada de forma agressiva, estouros, falta de nuance.
                           Foi enfim mais uma noite de emoções e se não foi uma das melhores investidas do Máschara, certamente foi verdadeira, honesta e cheia da emoção que esse grupo põe em tudo o que faz. Em 2012 o Grupo levou ao palco da Casa de cultura 11 edições do Cena às 7, com 7 peças em 19 noites de espetáculos. Para 2013, a intenção são doze edições com 24 espetáculos. Para isso conta com a população e seus atores dedicados e cheios de garra.

Cléber Lorenzoni (**)
Dulce Jorge (*)
Gabriel Wink (**)
Alessandra Souza (**)
Luis Fernando Lara (***)
Gabriela Oliveira (*)
Renato Casagrande (**)
Fernanda Peres (*)
Ricardo Fenner (**)


                                                   A Rainha