quinta-feira, 18 de junho de 2009

31º Cena às 7


O Teatro na vida das pessoas

As Artes Cênicas se distinguem por acontecer ao vivo e em tempo real. Tais atributos lhe trazem ônus típicos do fazer artesanal, numa época regida por números da escala regional e pela reprodutibilidade dos meios de comunicação de massa. Num contexto em que os valores e as práticas da industria cultural tendem à hegemonia e em que a arte se confunde com entretenimento, as artes cênicas se impõem por sua singularidade.
São também elementos indutores de um novo pacto social. Como as artes cênicas começam no corpo e dele não podem prescindir, sua prática constrói um comportamento social agregador, tanto na presença de quem faz, quanto na de quem assiste. Com velocidade dos avanços tecnológicos, difundindo a virtualidade como forma de comunicação, essas artes se instalam na contramão de tais cenários, inclusive porque desafiam o índice crescente de violência das cidades ao propor o desfrute dos seus espaços sócias.
Além desses fatores, a relevância das artes cênicas ganha mais evidência por representar uma zona de conjunção de diferentes manifestações culturais, entre as quais estão, por exemplo, a música, as artes visuais, a arquitetura, a tecnologia, a literatura e a moda, resultando em práticas interdisciplinares transformadoras. O Grupo Teatral Máschara, reconhecido por sua atuação em todo o estado e principalmente no crescimento cultural da comunidade e região, integra-se no panorama do município há dezesseis anos. Desde a fundação o grupo caminhou graças ao seu esforço próprio, no início sem fins lucrativos, buscando conhecimento, aperfeiçoamento, embasamento teórico e solidificação junto ao espaço cênico do estado. Mais de 100 jovens artistas tiveram espaço para aprender e expressar o ofício. O contato com o teatro lhes propiciou auto-conhecimento, amadurecimento, interesse pela literatura, dança e música.
Por ser o teatro a arte máxima que agrega todas as outras formas de expressão, munindo-se delas para desenvolver ao público em emoção e reflexão. Os jovens que passaram pelo Máschara obtiveram paralelo a sua formação, o contato direto com elementos qualificativos necessários para a melhor formação dos cidadãos. Alguns desses jovens estão hoje espalhados em faculdades onde haja o curso de artes cênicas, cientes de sua vocação e em busca de profissionalização valorizada apenas em grandes centros.
O Grupo Teatral Máschara obtém hoje as mais significativas críticas quanto ao seu trabalho. Excursiona por todos os municípios do estado levando a arte por onde os outros artistas ainda não chegaram. Dos festivais que freqüenta traz na bagagem troféus, e mais importante, reconhecimento por parte do público e da crítica. Nos grandes centros o grupo Máschara está ao lado dos grandes nomes do teatro brasileiro, apresentando-se em Porto Alegre, Caxias do Sul, Bagé, Uruguaiana entre outras.
O Grupo Máschara sempre teve como características de seu trabalho, a pesquisa, a inovação e a crítica junto a questões sociais.