quarta-feira, 29 de janeiro de 2014

Elenco do Máschara em 2014

Atores        Tempo     Status  

                         1- Dulce Jorge (Fundadora)  ---->
2- Giane Ries
3- Claudia
4- Diogo
5- Cezar Dors
6- Thire
7- Marli
8- Wilson
9- Nadia Régia (1992/1994) I
10- Eduardo Gonçalves (1992/1995) II
11- Janaína Peroti (1992/1996)
12- Dão Dill (1992/1995) III
13- Vera Porto (1992/1998) IV
14- Fernandra Strainbrenerr (1996)
15- Altiva Soares (1993/1997) IV  + 2009
16- Katiússia (1996)
17- Claudia Cavalheiro (
18- Odacir Pena (1996/1997) II
19- Carolina Monteiro (1996/1997) III
20- Evandro Silva (1992/1994) IV

                             21- Cléber Lorenzoni (membro remido) I A

22- Fábio Branco (1996)
23- Bibiana Monteiro (1996/1997) IV
24- Zenaide Perez (1996/1997) IV
25- João Paulo Perez (1996/1997) IV
26- Maiara
27- Paulo César Perez (1996/1997) IV
28- Alexandre Dill (1996/2006) I
29- Janiele Peroti (1996/1997) IV
30- Adriane Fiúza (1997/1998) IV
31- Adilson Sattes (1997) IV
32- Naiara (1996/1997) IV
33- Simone De Dordi (1997/2002) I --->
34- Luciano
35- Maria Amélia
36- Ariane Pedroti (1998/2003) III    
37- Fernanda Garrido (1998/2001) V
38- Cristiane (1999)
39- Leonardo Mattos (1999/2002) IV
40- Matheus da Rosa (1999) IV
41- Úrsula Macke (1999/2000) V
42- Guilherme Macke
43- Eduardo
44- Rosimere
45- Marcele Franco (1998/2010) III
          46- Fábio Novelo (2001) IV (2014_____)Honorário
47- Diego Barcellos (2001) IV

         48- Ricardo Fenner (2001/____) A

49- Yanna Monge
50- Suzzete Siqueira
51- Cássius
52- Lauanda Varone (2002/2006) II
53- Pothira
54- Rafael Aranha (2003/2006) III
55- Daiane Albuquerque (2002/2006) III
56- Ana Paula (2002) V
57- Jorge Pittan (2002) IV
58- Guto Baugrathz (2002) V
59- Monique Vogel (2002/2003) IV
60-Luiz Fernando Lara (2002/2013)IV
61-Lilian Kempfer (2005) V
62- Cristiano Albuquerque (2002/2011) IV
63- Gelton Quadros (2005/2010 ) III
64- Kellen Padilha (2005/2007) II
65- Mirian Almeida (2005/2006) II
66- Ezequiel Mattos (2005)IV
    67- Tatiana Almeida (2005/____ ) II
68- Fabiúla
69- Claudia
70- Gabriel Wink (2006/2012) III 
71- Marciele Benittes
72- Angélica Ertel (2006/2013) II
73- Luiz Henrique Da Costa (2006/2008) IV
74- Jéssica Martins (2006/2007) V
75- Kauane Leite Linassi (2006/2007) IV

   76- Alessandra Souza (2008/____) II

77- Roberta Corrêa (2008/2010-2012/2013) III
  
78- Renato Casagrande (2008/____)II


79-Pamêla Canciani
80-Rodrigo Fabrício
81-Michele da Rosa
82-Diego Pedroso (2011)IV -Membro honorário
83-Lucas Padilha 
84-Newton Moraes (2011)IV
85-Gabriela Varone (2011/2013)IV
   
                86-Fernanda Peres (2011/____)III
  
               87-Evaldo Goulartt (2012/____)V


terça-feira, 21 de janeiro de 2014

Feriadão no cena às 7


Análise de Feriadão

                          O Bom teatro pode nascer de uma boa ideia, de uma musica, de um poema, de uma inspiração. Para mim nesses últimos tempos tenho a sensação de que nasce de uma boa equipe, de um bom conjunto de atores. Já ouvi dizer que um bom conjunto de atores é aquele que quando um precisa se ausentar o outro se desdobra para preencher sua ausência. O teatro é um vício meio maluco, uma profissão meio equivocada na galeria de profissões bem sucedidas, afinal na maioria das vezes seus seguidores tem fama e reconhecimento mas pouco ou nenhum dinheiro. Há o amor incondicional pelo que se faz, ou a necessidade prática de quem escolheu o teatro como profissão. Em meio a tudo isso, você se apega, afinal em que outra profissão seus colegas de "trabalho" o vêem chorar, amar, beijar, ficar nú, desfigurar-se em torpores de ódio ou prazer? O Teatro é íntimo!
                              E os atores são humanos, com filhos, mães, dores, tristezas e alegrias. E seu trabalho artesanal não pode submeter-se a substituições, não há horários. Há o público sentado, esperando por sua voyer diversão. Com quem o ator conta nessa hora? Com  seus colegas, com os Deuses. 
                                Defenderei aqui eternamente, por traz das cortinas há muita generosidade, e é através da generosidade que se alcança o sucesso nessa profissão, o público não aceita mesquinhez.
                                  O espetáculo de titulo equivocado apresentado nesse cena às 7 (por ser às 19 horas), não obteve bom público, mas os atores apresentaram com um prazer e uma alegria contagiante. Não importa se há cinco ou cem pessoas formando a platéia, merecem a dedicação por igual sempre, o contrário disso é o egoísmo profundo dos atores. 
                              As cinco crianças estavam intensas, rápidas, envolventes. As canções as vezes deixaram a desejar pela dublagem nem sempre perfeita, a voz mais ouvida sempre é a de Cléber Lorenzoni, o que antes de ser um elogio ao interprete serve de crítica ao elenco que deve se esforçar no tema. Evaldo e Fernanda  marcaram presença, Renato Casagrande foi bom como sempre o é, já Alessandra Souza apesar de ótima em cena, deve estar mais atenta na cena do carro. Evaldo Goullart andava distante, mas parece que nessa apresentação voltou ao prumo. A trilha executada por Leonardo Drea, foi bem executada.  (como um grupo tão bom pode trocar tanto de técnicos e não ter um sonoplasta e um iluminador fixos?) 
                                 O mais triste sem dúvida é ver um grande grupo, bons atores tendo que adaptar tantos espaços na busca por um bom palco. O Cena às 7 decaiu, perdeu público, também perdeu sua continuidade quase religiosa. São coisas não é? Mas o que não pode decair é a garra, a busca sempre pela arte, a dedicação, o engajamento e os grandes atores. Essa foi a primeira apresentação depois que o Máschara fez 22 anos. e que mais 22 venham e que aqueles que chegam saibam honrar o legado daqueles que vieram antes de nós.
                                       
(***) Evaldo Goullart, Fernanda Peres
(**)Renato Casagrande, Cléber Lorenzoni,  Alessandra Souza, Leonardo Drea, Ricardo Fenner.



A Rainha
                     

segunda-feira, 20 de janeiro de 2014

Grupo Máschara de volta ao Porto Verão Alegre


Elenco de Feriadão com Luis Eduardo Casagrande Muller- 63º Cena às 7


Análise de Lili especial de Natal - Largo da prefeitura 23/12/2013

O Grupo Máschara encerrou seus 21 anos de trabalho nos palcos com a apresentação do espetáculo Lili, especial de Natal. Um espetáculo teatral traz consigo muitos códigos e logicamente o ponto de vista de grande parte de uma equipe. Quero dizer, a mensagem por trás de uma determinada encenação é na verdade o ponto de vista do diretor, ou do dramaturgo ou do elenco... Claro que as vezes a mensagem que um espetáculo passa pode ser exatamente o contrário do que prega aquele que o montou.
Lili especial de natal é praticamente Lili Inventa o Mundo com um toque daquelas historias e personagens típicos das festividades de fim de ano. Por trás disso eu vejo a versatilidade de um grupo que passou por vários formatos, que adequou-se a cada novo elenco, a cada nova equipe.
Desde sua criação em 1992, mais de cem jovens artistas de Cruz Alta e região passaram pelo Máschara,  isso sem contar alunos e oficinados. Pesquisou-se muito, trocou-se muito. Talentos empíricos, técnicas próprias desenvolvidas.
Hoje o Máschara se permite ousar, cortar, adaptar e sempre consegue agradar o público.
No palco hoje, Cléber Lorenzoni (nº21), Renato casagrande (nº78), Alessandra Souza (nº 76), Fernanda Peres (nº86), Tatiana Quadros (nº67) e Evaldo Goullart (nº87), sobre um tablado, com microfones falhando, tentando contar uma historia para duas mil pessoas que dividiam sua atenção entre o palco e os mil sons e códigos vindos de todos os lados. O Máschara não faz espetáculos de rua, faz espetáculos para palco italiano, mas constantemente os apresenta nas ruas, uma dicotomia confusa.
Fernanda Peres (*) como protagonista precisa doar-se mais, com exatidão, perfeição, as vezes atua muito sobre a margem do erro, sobre uma linha tênue do estabanamento. Mas a atriz é ótima, mas deve sempre aprofundar sua técnica, lapidá-la. Alessandra Souza (**) é sempre bastante formal, precisa quebrar essa casca e chegará muito mais longe, teatro não é ciência exata, ainda que seja matemático! Renato Casagrande (**) está ótimo em "lili", mas as vezes esquece algumas rubricas, um ator muito ansioso! Evaldo Goullart (*) esteve muito elétrico em cena, precisa de mais pausa, a sabedoria dos atores mais maduros. O Teatro mora no silêncio! Cléber Lorenzoni (**) como senhor Noel é interessantíssimo, esse ator se transforma a cada papel e não havia visto ainda uma dramaturgia  que incluísse a personagem de Papai Noel. Tatiana Quadros (**) é uma boa atriz mas seus  constantes afastamentos dos palcos interferem diminuindo seu timing.

terça-feira, 14 de janeiro de 2014

Agenda 2014

645- Feriadão (tomo 104)  - 71ª Cena às 7 - Restaurante do Clube Internacional- 19/01/2014
         Com Cléber Lorenzoni, Fernanda Peres, Renato Casagrande e Evaldo Goulart
            Contra-regragem de Ricardo Fenner

646- Esconderijos do Tempo (tomo 71) - Santa Rosa / RS  - 17/02/2014
           Com Cléber Lorenzoni, Dulce Jorge, Fernanda Peres e grande elenco.
   

Feriadão em Cruz Alta - 2014


sábado, 11 de janeiro de 2014

1º Cena às 7 2014


Agenda 2013



647/648/649-Esconderijos do Tempo (tomos 72/73 e 74) Porto Verão Alegre com Alessandra Souza e Cléber Lorenzoni

646-Esconderijos do Tempo (tomo 72) Santa Rosa com Cléber Lorenzoni, e Dulce Jorge

645-Esconderijos do Tempo (tomo 71) 63º Cena às 7 com Dulce Jorge e Cléber Lorenzoni

644-Lili especial de natal (tomo 3) Cruz Alta 23/12/2013 com Cléber Lorenzoni e Evaldo Goulart

643-Lili especial de natal (tomo 2) Ibirubá 21/12/2013 com Alessandra Souza e Renato Casagrande

642- Performance vitrine viva em Cruz Alta com Cléber Lorenzoni

641-Lili especial de natal (tomo 1) Boa Vista do Cadeado 11/12/2013 com Tatiana Quadros e Fernanda Peres-

640-Os Saltimbancos (tomo 20) no estádio Guaraní- 08/12/2013 comRicardo Fenner e Cléber Lorenzoni

638/639-Feriadão (tomos 102/103) Vila Nova do Sul com Cléber Lorenzoni e Fernanda Peres -19/11/2013

637-62ºCena às 7 A Maldição do Vale Negro- Annes Dias- (tomo 19) com Cléber Lorenzoni, Ricardo Fenner e Renato Casagrande - 8/11/2013

636- Performance com Personagens de Os Saltimbancos (tomo 19) com Alessandra Souza e Ricardo Fenner -Festival do Guaraná- 12/10/2013

635- O Incidente em Vacaria/RS (tomo 76) com Gelton Quadros e Cristiano Albuquerque -05/10/2013

633/634 - Feriadão (tomos 100 e 101) Vacaria -05/10/2013 comCléber Lorenzoni e Fernanda Peres

632- Performance de danças dos anos 60 no clube Arranca com os Atores Alessandra Souza e Fernanda Peres em 28 de Setembro de 2013

631- Ed Mort -(tomo 13) UNICRUZ 08/08/2013

629/630- A Serpente - 61º Cena às 7 (tomo 02/03) 13 e 14/07/2013

628-A Serpente - 60º Cena às 7 (estréia) 23/06/2013

627- Lili Inventa o Mundo - 4º Matinê do Máschara 08/06/2013 (tomo 96)

626 - Ed Mort - 07/06/2013 (tomo 12)

625 - Esconderijos do Tempo - 07/06/2013 (tomo 70)


624 - ´Lili Inventa o Mundo - 07/06/2013 (tomo 95 )

623 - Ed Mort - 59º Cena às 7 26/05/2013 (tomo 11)


quarta-feira, 8 de janeiro de 2014

quarta-feira, 1 de janeiro de 2014

Troféu Grupo Máschara - Melhores do ano

2015
Fabio Novello por sua dedicação com a Cia.


2014
Cléber Lorenzoni e Renato Casagrande pela criatividade e luta pela batalha teatral

2013
Alessandra Souza como Ligia e Renato Casagrande como Décio em A Serpente

2012
Dulce Jorge como Caroba e Gabriel Wink como Benona em O santo e a Porca

2011
 Cléber lorenzoni como Adelaide Fontana E Angélica Ertel como Helena Em As Balzaquianas

2010
 Gabriel Wink como Ágatha em A Maldição e Angélica Ertel por suas substituições

2009
Ricardo Fenner e Cléber Lorenzoni em A Maldição do Vale Negro

2008
Tatiana Quadros como fada mascarada em Lili Inventa o Mundo e Dulce Jorge como Penelope em Ed Mort.

2007
Gabriel Wink como Peeter Stockman Em Um Inimigo do Povo e Angelica Ertel como Glorinha Em Esconderijos do Tempo


2006
Cléber Lorenzoni como Mario Quintana e Kellem Padilha como Lili Em Esconderijos do Tempo


2005
Alexandre Dill-Como Dr. Cícero e Miriam Kempfer como Rita Paz Em O Incidente

2004
Lauanda Varone em A Carrocinha

2003
Dulce Jorge como Mãe em Bodas de Sangue

2002
Jorge Pittan como Rei Duncan e Simone De Dordi como Lady Macduff Em Macbeth

2001
Marcele Franco como Mariana e Cléber Lorenzoni como Tartufo Em Tartufo

2000
Alexandre Dill como Hêmon e Dulce Jorge como Antígona Em Antígona

1999
Cléber Lorenzoni como palhacinho e Ariane Pedrotti como Espanhola Em O Conto da Carrocinha

1998
Cléber Lorenzoni como D. Flávia e Simone De Dordi como Das Dores Em Dorotéia

1997
Cléber Lorenzoni como Fada Morgana e Dulce Jorge como Bruxa Magnólia Em Bulunga o Rei Azul

1996
Diulio Penna como o Gato Bulunga e Dulce Jorge como Bruxa Magnólia Em Bulunga o Rei Azul

1995
Dulce Jorge como Cordélia Brasil Em Cordélia Brasil